quarta-feira, 23 de julho de 2008

Desabafo do dia

Não sei o que me revolta mais, se é a total indiferença ou se é o sinismo falso ou o fingimento de preocupação. Não sei se é pior fingir que não viu nada ou fingir que se importa. A verdade é que as pessoas não têm nem tempo e nem mais capacidade de se preocuparem umas com as outras. As grandes filosofias e religiões humanistas agora se provam verdadeiras utopias. É nesse contexto contemporâneo que conseguimos reconhecer que o ser humano é naturalmente narcisista, narcisista por excelência. As grandes mentiras que se escondiam por trás de entidades como a igreja e a família começam hoje a serem desmascaradas. Tenho notado o pouco caso que uns fazem aos outros agora que enfrento uma situação problemática. Percebi que ninguém se importa de verdade...