terça-feira, 4 de maio de 2010

É muito mais fácil tentar mudar o outro a mudar-se a si mesmo

Engraçado, meu psicanalista desistiu de mim, perguntou o que eu queria lá, pois não estou pronta para mudar, sou radical. Ele cansou. Eu também cansei de todos quererem me mudar, porra! Eu fiz um tempo de terapia não por mim, mas pela minha família. E vejo que aqueles mais fervorosos, os que mais se irritam com as minhas posturas são infinitamente piores do que eu. Eles têm medo de chegar a extremos como eu tenho chegado. Medo de assumir a inutilidade da existência, a desumanidade dos seres humanos, a injustiça do mundo. Uma vez um amigo surpreendeu-se com uma frase minha "Nada vale a pena". Esse amigo começou a me questionar e eu, como não tenho a mínima vergonha de ser quem realmente sou, abri minha enorme boca em blasfêmias contra tudo... Perdi o amigo! Como as pessoas são hipócritas! Na verdade cada um tem sua opção, eu acho que jamais suportaria ficar ao lado de um otimista doente, eu me afastaria da mesma forma. E assim tenho perdido paulatinamente algumas de minhas "amizades". só porque saí do armário e me assumi uma verdadeira niilista covarde o suficiente para não morrer... Quer mudar alguém? mude-se a si mesmo! Derrube seus velhos paradigmas, seus preconceitos e sua visão limitada! Eu não nasci assim, eu me tornei o que sou depois de algumas experiências de vida. Quer continuar no seu otimismo deslumbrado? Continue! Mas não venha pregá-lo a mim!