sexta-feira, 17 de dezembro de 2010

Agorafobia

Ágora, em grego, significa espaço público. Era onde os cidadãos gregos se encontravam, onde havia feiras e mercados, discursos e várias manifestações públicas. 

Agorafobia é o medo de estar fora de casa, um transtorno que aflige várias pessoas no mundo. Quem é portador desse tipo de distúrbio teme que, ao sair de casa e se encontrar no meio da multidão, possa passar mal e até morrer.

Não sou agorafóbica, no entanto, tenho evitado ao máximo sair de minha casa nesses últimos dias, tanto que ainda não arrumei o vidro do carro só para não sair mesmo. Estou pedindo remédios em casa e compras de mercado meu marido faz. Algumas aulas particulares consegui transferir para lecionar aqui mesmo. Parece uma grande preguiça, mas não é, tenho a sensação de que não vou suportar o calor da rua ou que encontrarei pessoas que irão me parar para conversar, e eu não quero. Tenho evitado conversas também. Nem atendo mais o telefone. Meu celular vive desligado. Tenho medo até da campainha tocar...

Isso pode ser um certo resquício da síndrome do pânico que vivia tendo no semestre passado. Só saio de casa por obrigação mesmo. Minha mãe se chateia comigo porque não quero sair para passear com ela, mas é mais forte que qualquer prazer que possa ter em um passeio. Mas o duro é fazer com que as pessoas entendam isso...